7 formas de conhecer Bangkok on a budget

Se você estiver viajando para Bangkok com o orçamento limitado dá uma olhada nessas dicas que utilizamos quando estamos com o budget apertado e até mesmo quando não estamos, só porque elas são realmente maravilhosas! hahaha

1. Street Foods e Food Courts.

A Tailândia é conhecida por sua comida de rua e isso é maravilhoso! Praticamente por todas as ruas que você andar, sejam elas pequenas ou não, você encontrará barraquinhas oferecendo as mais variadas e deliciosas opções que vão de currys a pad thai e espetinhos de frutos do mar! 

Se você tem receio em comer na rua, deixe ele de lado quando chegar aqui! A grande maioria dos tailandeses comem na rua ou compram suas refeições em saquinhos para levar para casa todos os dias. Para eles é muito mais barato e prático fazer isso que cozinhar em casa, tanto que muitos apartamentos em Bangkok nem mesmo possuem uma cozinha completa. 

Sendo assim, os donos das barraquinhas se mantém obrigados a sempre terem seus produtos de boa qualidade, frescos e feitos todos os dias. 

As dicas para escolher em qual barraquinha comer e o que comer são simples:

  • Sempre procure as barracas mais cheias. Com certeza nelas você pode garantir a qualidade do que está sendo servido! 
  • Não coma nada cru! 
  • Pegue um roteiro personalizado da TravelRoutes que te guiará pelas melhores barraquinhas de rua de Bangkok!

E como estamos falando de budget vamos aos preços! Na rua você consegue comer por 50/100 Baht! Isso representa 1 ou 2 dólares por refeição, as vezes incluindo até a bebida! É ou não é maravilhoso? 

Os food courts também são opções ótimas e baratas! Você pode encontra-los dentro dos shoppings e de centros empresarias e comerciais de Bangkok. Ali também haverá diversas opções deliciosas, não só de comida tailandesa como de outros países da Ásia. Os preços aqui são um pouquinho mais altos por serem praças de alimentação e terem uma estrutura melhor, mas de 100 a 300 Baht você come muito bem por aqui!

Quando vamos para Tailândia sempre buscamos as barraquinhas de rua e food courts para as nossas refeições porque não há forma melhor de conhecer uma cidade que comendo onde os moradores locais comem! 

2. Prathunam Market.

Fazer compras na Tailândia é super barato e quando você passa pela Khao SanRoad fica doido com os preços e variedades de camisetas, regatas, vestidos, calças e bolsas que vê por lá. Mas temos um segredo para te contar, achamos um local onde as coisas são realmente baratas e não "para turistas" baratas. 

O Prathunam Market é uma grande feira de roupas e acessórios onde os próprios tailandeses vão fazer suas compras. Se você estiver buscando roupas no estilo daquelas vistas na Khao SanRoad, aqui é o local ideal! Eles também vendem imitações de algumas marcas e coisas do tipo, se você também estiver buscando por isso. 

Aah e você consegue chegar facilmente aqui utilizando as balsas que vão pelos canais de Bangkok! Olha esse post AQUI!

compras (1).png

3. Negocie sempre e negocie tudo!

Negociar para conseguir o melhor preço que você puder faz parte da experiência nos mercados e feiras de Bangkok, principalmente nos locais mais turísticos! 

O primeiro preço que eles vão te dar com certeza será mais alto que ele realmente custa ou do que ele é vendido para um tailandês! hahaha Então não tenha pena de negociar o máximo que você puder. Você verá quando o vendedor chegar no limite de preço dele! 

Como a negociação na Tailândia é praticamente uma arte, fizemos um post só para te dar dicas sobre isso! CLIQUE AQUI e aprenda a arte da negociação!

dicas.png

4. Rabbit Travel Card.

Se você vai passar uns dias em Bangkok e utilizar o BTS Skytrain, a forma mais econômica é comprando esse cartão. Uma viagem sem o cartão custa em torno de 15 a 45 Baht a depender da distância que você vai percorrer, mas com o Rabbit Card essas viagens custam em média 21 Baht!

O Rabbit Card funciona da seguinte forma, ao adquiri-lo ele já vem carregado com uma quantidade x de viagens que você poderá fazer, independente da distância e durante uma quantidade limitada de dias.

dicas.png

5. Não pegue taxi estacionado na porta do seu hotel ou hostel.

Os taxistas de porta de hotel provavelmente vão tentar fechar um preço com você para passear o dia todo pela cidade. No entanto, esse preço acaba sendo muito mais alto que se você fizer os passeios pegando, tuktuk, Uber ou taxi com o taxímetro, então se quiser economizar ou até mesmo ter chance de nem ter um experiência tão legal, não caia nessa e personalize um roteiro para sua viagem com as dicas que realmente são legais sobre o que fazer em Bangkok! :)

vidanoturna.png

6. Compre uma torre de cerveja, uma garrafa de whisky ou um balde de bebida na balada.

Eu sei, que vindo de onde a gente vem, essa dica parece uma loucura para quem economizar, mas garantimos para você que aqui é diferente. Em Bangkok comprar bebidas separadas sai muito mais caro que comprar a garrafa, então se estiver entre amigos, aproveite e compre uma garrafa inteira para dividir ou tomar sozinho, dependendo da sua empolgação! hahaha

7. Não troque seu dinheiro no aeroporto!

O aeroporto com certeza é o local onde você vai conseguir a menor cotação na hora do cambio, por isso troque no aeroporto somente o suficiente para pegar o táxi ou passar o 1º dia na cidade, caso você chegue um pouco mais tarde.

CLICANDO AQUI você pode ver os melhores locais para câmbio em Bangkok! 

Clau é fundadora da TravelRoutes, apaixonada pela Ásia, hipster de atrações turísticas e movida por boa comida, principalmente se for daquele lugar pequeno escondido em uma rua estreita!